Linguística Antes e Depois de Saussure

A linguistica divide-se em duas fases: a linguística até o século XIX – a pré-saussuriana – e a lingüística a partir do século XIX – a saussuriana. Na verdade, só no século XIX a linguística começou a adquirir status de ciência.

Os estudos da linguagem começaram como uma espécie de descrição da língua, porém limitada à compilação de regras (gramática), às quais “ensinavam” a arte de ler e de escrever. Entretanto, pelos comprometimentos filosóficos da época, esses estudos estavam desprovidos de uma visão científica e objetiva da língua em si mesma, embora buscassem descrevê-la através de uma normatização.

Com a derruba dessa descrição filosófica pelos alexandrinos, só então na Idade Media, houve interesse em centrar os estudos na morfologia, na sintaxe, na fonética. São os estudos filológicos.

FILOLOGIA: CIENCIA QUE ESTUDA UMA LINGUA, LITERATURA, CULTURA OU CIVILIZAÇÃO SOB UMA VISAO HISTORICA, A PARTIR DE DOCUMENTOS ESCRITOS.

Esses estudos serviram de base para a consolidação dos estudos histórico-comparativos que procurava identificar as relações entre o latim, o grego e as línguas germânicas, entre outras, a partir da descoberta do sânscrito. Foi devido a gramáticos como Panini (séculos IV e V) que o sânscrito se fixou em sua forma clássica e a partir de então a língua, dentro dessa estrutura, só se desenvolveu em seu vocabulário.

Franzz Bopp, considerado fundador desse estudo, fez comparações entre sânscrito, grego, latim, persa e alemão.

Sendo assim, houve base cientificas para o estudo linguistico. E foi com Saussure e Bloomfield que a linguística se fixou como ciência.

Para SAUSSURE, a lingüística deveria limitar-se ao estudo da língua, uma vez queessa deveria ser definida como um sistema de signos e de regras. Foi então que SAUSSURE, considerando a linguagem um fenômeno, dividiu-a em dois aspectos – a língua (langue) e o discurso (parole). A partir daí, e apesar de reconhecer a interdependência entre o discurso e a língua, privilegiou o estudo da língua, definindo-a, pela primeira vez, como o objeto específico da lingüística.

Após sua morte, seus alunos, acreditando que o mestre teria compilado as teorias apresentadas nos cursos ministrados, buscaram nos arquivos do ilustre professor apontamentos que pudessem ser organizados em um livro. Criaram então a obra “Curso de Lingüística Geral”, que para sempre mudaria os conceitos de lingüística, inaugurando uma nova era nos estudos da língua.

BLOOMFIELD , por sua vez, defendeu a autonomia da lingüística, sobretudo em relação à lógica e à psicologia. Dedicou-se a buscar um método que permitisse a descrição das línguas – atividade que se ocupou, com afinco, inclusive empenhando-se em descrever as línguas indígenas dos Estados Unidos.

Podemos dizer , então, que até a metade do século XX a linguística foi considerada como a ciência que procurava entender a língua através da análise de sua estrutura interna.

Porém CHOMSKY propôs uma verdadeira reformulação quanto ao objeto da linguística. continuou a considerar a língua como objeto específico da lingüística. Entretanto, censurava o estruturalismo por não levar em conta uma característica da linguagem, a seu ver essencial: a criatividade. Ele passou a considerar a língua como um conjunto de regras ordenadas, ao contrário de Saussure, que examinava a língua dentro do circuito da fala, no ponto em que os sons se associam aos conceitos.

A relevância dos estudos de CHOMSKY residiu justamente em demonstrar que um falante é capaz de produzir orações absolutamente inéditas, da mesma forma que também tem competência para entender enunciados nunca antes ouvidos.

Após SAUSSURE, BLOOMFIELD e CHOMSKY, foi tão grande a variedade de teorias surgidas a partir das bases por eles lançadas, que se tornou impossível querer reduzi-las a um denominador comum. Só nos resta continuar, timidamente, a investigar o formidável fenômeno lingüístico, que tanta curiosidade e fascínio vem despertando nos estudiosos de todos os tempos, sobretudos nos mestres que acabamos de citar.

About these ads
Categorias: Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com. O tema Adventure Journal.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: